“Sílabas e Sons - Tributo a Dorival Caymmi"

15/06 até15/06 | Local:Museu Boulieu

Neste mês de junho, o Museu Boulieu inicia a sua programação cultural “Sílabas e Sons”, com um bate-papo musical em tributo ao eterno Dorival Caymmi. O evento que acontecerá na quarta-feira, 15 de junho, às 20h, será protagonizado por Danilo Caymmi, maestro Flávio Mendes e a Orquestra Jovem de Ouro Preto e conduzido pelo professor da PUC Rio, Júlio Diniz. No dia 29, acontece o "Arraial do Boulieu”, a partir das 18h, que contará com a alegria da Quadrilha Pé de Moleque do Bairro Santa Cruz, bandas Forró de Bolso e Candonguêro de São João. Toda a programação acontecerá no Museu Boulieu, que está localizado na Rua Padre Rolim, 412, Centro, com entrada franca.

Inaugurado recentemente, o Museu já recebeu cerca de 4 mil pessoas e alcançou outras 200 mil virtuais. O local que acolhe a coleção de obras barrocas doada por Jacques e Maria Helena Boulieu, conta com patrocínio integral do Instituto Cultural Vale, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura e apoio da Prefeitura de Ouro Preto. Além das peças da Coleção Boulieu, o museu abriga duas obras cedidas pela Coleção Ivani e Jorge Yunes, do Programa “Acervos em Diálogo” e abriga a mostra temporária “Aleijadinho – fotografias de Horacio Coppola”, realizada em parceria com o Instituto Moreira Salles.

O tema “Caminhos da Fé” conduzirá as atividades educativas do mês, tanto nas redes sociais da instituição quanto nas atividades presenciais. 

O objetivo principal é mostrar como a religião impulsionou as grandes navegações a disseminação da cultura e arte europeia pelo mundo. Estudantes de todas as idades poderão fazer a oficina “Expressões de fé: uma linguagem não-verbal” que  por meio da produção de um Teatro de Sombras, vão entender a importância das imagens para o processo de colonização. Basta fazer um agendamento para as visitas monitoradas por meio do e-mail: educativo@museuboulieu.org.br.

“Reservamos às quartas-feiras principalmente para receber a população de Ouro Preto, justamente por isso a entrada é gratuita, o horário de funcionamento é diferenciado e os eventos são realizados neste dia. O Boulieu é um museu com um acervo internacional, mas pensado para todos os públicos”, explica a diretora da instituição, Edineia Araújo.

Os ingressos para os eventos culturais poderão ser trocados na bilheteria do Museu por 1kg de alimento não perecível ou agasalho, sempre a partir dos sábados que antecedem as produções. Todas as doações arrecadadas serão encaminhadas à Secretaria de Ação Social de Ouro Preto.

Horário de funcionamento: Segunda-feira, quinta-feira, sexta-feira, sábado e domingo: das 10h às 18h. (Entrada inteira: R$10 / meia entrada: R$5) - Quarta-feira: das 13h às 22h (Entrada gratuita). Terça-feira: fechado.